A qualificação dos portugueses

Sabe-se que educação, instrução e qualificação não são a mesma coisa – embora persista alguma “confusão”, inclusive junto de certas “elites”.

Ora, se em relação à educação Portugal não está tão mal assim, já no que concerne à qualificação dos portugueses a situação é bastante má no contexto europeu e mundial. Há até quem considere a situação das qualificações uma autêntica “tragédia nacional”, como escreve neste número dos Cadernos de Economia um prestigiado investigador.

O assunto é dos mais candentes da sociedade portuguesa, afectando de forma decisiva a economia.

A baixa produtividade nacional – não obstante os portugueses serem dos povos que mais horas trabalham – está directamente ligada ao problema das qualificações.

Estamos certos de que esta edição constitui um contributo sério para a análise de um problema grave. Assim, académicos, gestores e representantes associativos, bem como o Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, subscrevem trabalhos de inegável qualidade.